5 motivos para os funcionários não levarem trabalho para casa

- Deixe um comentário

35 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 35 35 Flares ×

Algumas pessoas simplesmente não conseguem voltar para a casa no fim do dia, ou no final da semana, sem pensar no trabalho que ficou para trás e isso faz com que, muitas vezes, acabem levando trabalho para casa. As motivações podem ser várias: não conseguir terminar um projeto a tempo, clientes exigindo atenção fora do horário comercial, adiantar algumas tarefas e e-mails ou simplesmente não conseguir se desconectar.

O que acontece é que, em médio e longo prazo, essa prática pode andar na contramão da produtividade. Veja agora 5 motivos para incentivar os funcionários a não levar trabalho para casa!

Sua saúde vai melhorar

O excesso de trabalho pode afetar a saúde física e mental de qualquer um. Problemas como dores musculares, dores de cabeça, baixa imunidade, doenças relacionadas ao estresse, ansiedade e irritabilidade podem ser os sintomas de que levar trabalho para casa não tem sido benéfico para a saúde dos seus colaboradores. Para mudar o foco do trabalho quando chegar em casa, é preciso comprometer-se com outras atividades, como ir a uma academia, fazer o jantar algumas vezes na semana ou fazer algum curso prazeroso.

Levar trabalho para casa = menos tempo com a família

Esse é um dos maiores problemas que as pessoas que não conseguem se desligar do trabalho enfrentam: não conseguir dar atenção suficiente para sua família. Brigas constantes com a esposa ou o esposo e filhos carentes de atenção são algumas das constatações de quem trabalha demais e não separa tempo de qualidade para curtir e descansar.

Ao sair da empresa, as atividades com a família devem ser relaxantes, desviando a atenção de qualquer trabalho que tenha ficado para trás. Algumas dicas para passar mais tempo de qualidade com os familiares são: desligar o celular (pelo menos por um tempo), preparar um jantar calmamente e sentar à mesa para ter uma refeição prazerosa, sair para um passeio noturno de vez em quando, etc.

Seu cérebro precisa de um tempo

Assim como o corpo precisa de um descanso após os exercícios físicos, a mente precisa de um tempo depois de um dia de intenso trabalho. Para quem não consegue deixar de levar trabalho para casa e desviar sua atenção em momentos que deveriam ser de descanso, uma dica que pode ajudar a adquirir o hábito de relaxar a cabeça e o corpo é: nos primeiros dias, marque um tempo para deixar de pensar no trabalho e fazer outras coisas ou simplesmente relaxar. Depois de alguns dias, a necessidade desse descanso virá naturalmente.

É improdutivo

Quem acredita que levar trabalho para casa aumenta a produtividade por resolver questões fora do horário de serviço, pode ter uma surpresa em médio e longo prazo. Isso porque o cansaço levará inevitavelmente a mais chances de erros e menos atenção. Tirar um tempo para si, fazer coisas divertidas, ter uma boa noite de sono ou simplesmente relaxar sem fazer nada aumentam a produtividade e deixam todo mundo mais descansado para o dia seguinte (que será muito mais agradável e produtivo).

Fazer nada é mais importante do que se pensa

Não é à toa que cada vez mais as pessoas destacam os benefícios da meditação. Pode ser difícil conseguir ficar exatamente imóvel, de luz apagada e sentado como se fosse realmente meditar, mas tirar um tempo sem (absolutamente) nenhuma atividade programada pode, inclusive, ser bom para aguçar a criatividade.

As exigências do mundo atual levam alguns gestores e colaboradores a ter uma sobrecarga de tarefas e aproveitar o tempo que seria de descanso para trabalhar ainda mais. Essa escolha pode acarretar em problemas de saúde, brigas familiares e até mesmo diminuição da produtividade. Por isso, incentive os funcionários da sua empresa (e a si mesmo) a cortar de vez esse hábito e não levar trabalho para casa.

Você tem alguma outra dica para evitar esse problema? Conte para a gente nos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>